Para desenvolver sua comunidade, é preciso saber deixar ir

1 min read

deixe ir

Na última semana, fiz um teste simples com a audiência da minha newsletter.

Ao invés de mandar um email longo uma vez por semana, produzi pequenos conteúdos e aumentei a frequência de disparo para emails diários.

O resultado, como já era de se esperar, é que tive muitas pessoas se desinscrevendo da newsletter. Um rapaz até me reportou como SPAM…

E não, eu não faço SPAM. Meus cinco anos de experiência em email marketing me ensinaram bem que incomodar seus assinantes só contribui para um IP sujo.

A verdade é que o rapaz em questão se esqueceu que assinou a minha newsletter um ano atrás, em algum dia em que ele achou meu conteúdo relevante. Mas, de lá pra cá, ele perdeu o interesse ao ponto de não me perceber mais em sua caixa de entrada, mesmo mandando um email por semana.

Eu era apenas mais uma mensagem na aba de atualizações. Até que o aumento dos disparos fez com que eu fosse “notada” e, por consequência, descartada. Porém, isso está longe de ser uma coisa ruim.

Toda vez que você faz uma mudança, as pessoas que não se identificam mais com o propósito da comunidade vão se afastar. Deixe ir.

Pense em quem tinha uma opção e deliberadamente escolheu ficar. Esse membro está mais interessado na comunidade do que nunca. Ele mal pode esperar para saber os impactos da mudança e como surfar com ela.

Entre correr atrás de quem que não quer mais estar ali ou dedicar seus esforços para fidelizar quem ficou, cuide de quem está do seu lado. Ajude-os a alcançar o sucesso na sua comunidade! O resto, simplesmente deixe ir.

Eu tomei minha decisão. Ao invés de chorar pelos desinscritos, eu escolhi escrever conteúdos melhores para meus assinantes e ver a taxa de abertura dos meus emails subindo.

Tenho certeza de que a minha audiência de hoje está muito mais alinhada com o meu propósito do que a da semana passada. Você pode dizer o mesmo?

Se você ainda não assina a minha newsletter, clique aqui para receber.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

×

Quer mais conteúdo sobre marketing de comunidade? Inscreva-se na nossa newsletter, é grátis.

Inscreva-se agora, cancele quando quiser.